Dissídio Coletivo TRT/SP nº 20.202.2005.0000.2005
Acordo Judicial celebrado com a Federação do Comércio do Estado de São Paulo e 42 Sindicatos do Comércio

DRT/SP nº 46219.020050/2005-71
Convenção Coletiva celebrada com a Federação das Indústrias do Estado de São Paulo e 54 Sindicatos da Indústria

Para o exercício 1/7/2005 a 30/6/2006, o Sindicato conseguiu nas negociações o reajuste de 6,28%.

Quanto aos pisos normativos, o piso de admissão foi elevado para R$556,55 e o piso de efetivação para R$703,55, já reajustados ambos em 1º de julho de 2005.

Além disso, a reposição das despesas do seguro de veículo foi elevada para 80% e, nos casos de exigência pela empresa de uso de carro próprio do empregado, foi mantida a tarifa de quilômetro rodado: 34% do litro, para carros a álcool; 26% do litro, para carros a gasolina e 15% do metro cúbico, para carros a gás ou mistos.